A dois meses do 8º Fórum Mundial da Água, a Expo do evento já está totalmente ocupada por empresas e países. Para os expositores, é uma oportunidade para fechar negócios com entidades parceiras presentes no maior encontro do planeta a respeito do tema. O Fórum ocorrerá entre 18 e 23 de março de 2018, em Brasília.

A Expo terá 53 estandes. Portugal, Espanha, Marrocos, México, China, Inglaterra, Israel, Palestina, Suíça, Senegal, Holanda, França, Estados Unidos, Turquia, Coreia e Japão garantiram espaços.

Empresas como Nestlé, Ambev, Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), Confederação Nacional da Indústria (CNI) e Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO) também estão entre os expositores.

Entre as diversas atrações do evento, a Feira e a Expo são espaços privilegiados quando o assunto é representação institucional e participação pública. A Feira é um espaço gratuito, aberto ao público, e a expectativa é que 35 mil pessoas visitem o local. Já a Expo é restrita ao inscritos, e são esperados 10 mil participantes durante os dias do Fórum.

Na Feira do 8º Fórum Mundial da Água, cerca de 75% do espaço já está ocupado por estandes de diversos setores, incluídos consumidores, sociedade, ONGs, universidades, governo e conselhos. Sob o aspecto social, a Feira pode ser vista como uma vitrine para mostrar à sociedade soluções e ações quem vêm sendo executadas para manter a qualidade e o uso sustentável da água em diversos pontos do mundo.

Como parte essencial do Fórum, a Feira e a Expo serão realizadas no Estádio Nacional Mané Garrincha, em uma área de aproximadamente 9.000 m² – 21% maior do que nas edições anteriores. O espaço fica a 500 metros do Centro de Convenção Ulysses Guimarães, onde ocorrerão outras atividades do evento, entre elas mais de 200 debates e sessões.

8º Fórum Mundial da Água

O Fórum Mundial da Água acontece a cada três anos e é uma iniciativa do Conselho Mundial da Água, uma organização internacional com sede em Marselha, França, composta por representantes de governos, academia, sociedade civil, empresas e organizações não governamentais, formando um significativo espectro de instituições relacionadas com o tema água.

O evento é organizado no Brasil pelo Conselho Mundial da Água (WWC), pelo Ministério do Meio Ambiente (MMA), representado pela Agência Nacional de Águas (ANA), e pelo Governo do Distrito Federal, representado pela Agência Reguladora de Águas, Energia e Saneamento Básico do Distrito Federal (Adasa). A Associação Brasileira da Infraestrutura e Indústrias de Base (Abdib) é integrante do Comitê Organizador Nacional (CON).

As sete edições anteriores foram realizadas em Marrakesh (Marrocos, 1997), Haia (Holanda, 2000), Kyoto (Japão, 2003), Cidade do México (México, 2006), Istambul (Turquia, 2009), Marselha (França, 2012) e Gyeongju e Daegu (Coreia do Sul, 2015).